Wednesday, October 24, 2007

Veio o Outono

Veio o outono atrasado
com cheiro saudoso
a castanhas assadas
apetece um chá
bem perfumado
de flores silvestres
sobe no ar
vertical
tal lâmpada genial
um fumozinho
saboroso
uma palavra serena
em letra pequena
gostosa de poesia
e harmonia...
veio o outono
silencioso ...
e esperado!!!

8 comments:

TINTA PERMANENTE said...

O Outono é, creio, o tempo do aconchego. Que começa na lassidão dos dias embrulhada na temperança morna que vai do amarelo aos debruados matizes de castanho e acaba no entardecer esbranquiçado do fumo de qualquer chaminé...
Abraço.

Sophiamar said...

Veio o cheiro da terra molhada, do fogo das lareiras, das castanhas assadas... e veio a esperança de que a chuva faça renascer tudo à nossa beira...

beijinhos matizades de castanho, amarelo, avermelhado...

Sophiamar said...

matizados

Carminda Pinho said...

Renda,
Veio o Outono! será para ficar?
também eu gosto do cheiro das castanhas, do aconchego, do cheiro a terra molhada e flores silvestres, das cores quentes desde o amarelo ao castanho passando pelo laranja, as chamadas cores terra.
Só não gosto do Outono porque, com ele leva quase sempre as "folhas" mais "sensíveis".
Mas isso agora não interessa nada.
Vem aí o S. Martinho, ora!
Ahahahah!!!

Carminda Pinho said...

Beijinhos amiga, lembrei-me do S. Martinho e quase me esquecia de tos deixar, muitos e um grande abraço. :)))

mixtu said...

outono...

vento
brisa
lluva

castanho
vinho
pinga

pinga da torneira
pinga amor
silêncios

outono...


abrazo europeo

Andreia do Flautim said...

Olha que hoje por aqui já parecia outono!

bell said...

Hum, o Outono anda muito envergonhado este ano. Os casacos continuam no armário e o S. Martinho está quase aí.