Saturday, October 13, 2007

São estas as tílias


Que me importa o inútil

Se mexem as folhas

E me abraçam as tílias

Em negaças ao sol

Que me importa o papel

Se ao vento me dou

E é ele quem transporta

A minha canção.


Autor: J.G. O Sineiro

10 comments:

J.G. said...

Eh pá, isto não se faz!

E para castigo, vais ver!
tens o meu comentário e...oh! oh! já vais com sorte!

Nunca mais me apanhas! Da próxima, só por mail encriptado.

Mas salvam-se as tílias, que são lindas e bem gordinhas!

Um abraço, sua rend...ilhada da cidade alta!

Meg said...

Boa, boa, Renda!!!!!

Mas que é bonito é... eu já tinha lido, lá do outro lado, mas que merece este destaque...
sem dúvida!!!!

Parabéns, Jorge.
(Hoje não faço outra coisa, senão dar-lhe os parabéns! Ao Cidadão...)

Beijinhos

Carminda Pinho said...

Olá Renda!
As tuas tílias são linnnnnnnnnnndas!

Quanto ao slide show dos prémios, olha amiga isto é como nas páginas amarelas, segue os teus dedos, clica aqui, clica ali e, irás lá chegar. Foi o que eu fiz.
Abri uma páginia no hi5 (www.hi5.com) já há algum tempo e, embora não utilize muito aquilo, é mais pá malta nova como os meus filhos, se bem que apareça lá gente cota como eu. Outro dia reparei que tinha uma ferramenta que podia utilizar para fazer uma "caixinha dos prémios" que já recebi, experimentei e, saiu.
Para mim que não percebo nada de informática mas sou curiosa foi óptimo. Venci mais uma batalha sózinha. :))))
Beijinhos amiga.

Carminda Pinho said...

Vês Renda?!
Tão lindinha que eu já era com 5 anitos? Ahahah! Uma verdadeira artista!!! Lol
Já cá a tenho há uns diazitos, sim.
Sou muito espertinha não sou? Eu também acho que sim. De tal maneira que às vezes olho-me no espelho e digo-me: Cada vez tás melhor Carminda. Ahahahah!
Olha que isto é a brincar, não falo nada com o espelho. Lol
Beijinhos amiga

Andreia do Flautim said...

Aqui tb há algumas tílias!

Papoila said...

Renda!
Lindo o poema de JG!
Ai as tílias! As tílias!
Beijos

Méon said...

Dei uma voltinha nas "Conversa" e na "mania das fotos".
Obrigado pelo espírito fresco destes espaços.
Boa semana!

O Sino da Aldeia said...

Vês, Rendinha, vês, eu não te dizia? Só duas pessoas comentaram este teu post, a Meg e a Papoila!

Mas deixa, comento eu também.
Foste muito querida, pondo em destaque uma brincadeira minha como se fizessemos um poeminha à desgarrada. Já não foi a 1ª vez que o fiz, como sabes, e como também deverás já saber só brinco com as pessoas de quem gosto e me dizem alguma coisa.

Um abraço e bom trabalho, que nova semana aqui está.

Jorge P.G.

Belzebu said...

O nosso amigo Sineiro está sempre a surpreender e não dá descanso, tal a quantidade e qualidade do que nos oferece!

Aquele abraço infernal!

Carminda Pinho said...

Olá Renda querida!
Então eu não havia de saber do disco feito e a sair em homenagem ao nosso Adriano?
Só que prefiro ouvi-lo a ele, antes agora e sempre.
O que eu gostaria era de ver uma homenagem pública e a nível nacional, transmitida pela estação pública ou noutra qualquer.
Levo o cheiro das tuas tílias outra vez. Acalmam-me...
Beijinhos